As doações da Odebrechet nas eleições de 2012 em Blumenau podem ter sido mais do que R$ 500 mil para cada candidato a prefeito, conforme revelou o delator.

Dei uma fuçada das planilhas da Lava-Jato e encontrei anotados pagamentos que chegaram a R$ 700 mil por candidato.

O delator revelou que os candidatos em 2012 eram conhecidos pelos codinomes de Musa (Ana Paula), Alemão (Jean) e Conquistador (Napoleão).

De acordo com o que pude levantar, a Musa recebeu três pagamentos, Alemão recebeu três e o Conquistador recebeu dois.

O repasses estão anotados sempre na mesma data para os três candidatos.

Desta forma, os pagamentos então teriam sido esses:

R$ 700 mil para o Alemão.

R$ 700 mil para a Musa

R$ 500 mil para o Conquistador.

Há um detalhe importante a ser notado: os repasses feitos aos candidatos a prefeito em 2012 aconteciam sempre na mesma data para os três. Em 27/09/12, são apontados pagamentos para Musa, Alemão e um tal de Don. Pela lógica das datas, Don poderia ser o Conquistador, pois a Odebrechet às vezes usa dois apelidos para a mesma pessoa.

Mas essa associação fica a critério de cada um.

De acordo com os dados que levantei, os pagamentos destinados a Blumenau somam R$ 4.975.000,00.

Minhas pesquisas foram feitas em www.jota.info/lavajota.

Iniciei minhas pesquisas a partir do site do Evandro de Assis, que deu a dica inicial AQUI.

Coloquei tudo no Excel o que encontrei: