• Diversos jornalistas de grandes veículos foram barrados na Penha ao buscarem informação sobre a Piracicabana.
  • Decidi ir lá pra ver se eles tinham coragem de fazer isso comigo.
  • Um sujeito me atendeu e disse que o chefe não estava.
  • Sabe o que eu disse pra ele?
  • Nada.
  • Dei meia volta e fui embora de mãos vazias.
  • Antes de ir fiz umas fotos vagabundas.
  • Vários motoristas e cobradores já estavam sendo atendidos.
  • Falei com um que estava saindo.
  • Ele disse eu havia sido contratado e que começaria a trabalhar já nesta sexta-feira.
  • Perguntei se já iria dirigir ônibus:

    “Não sei o que vou fazer. Mandaram eu começar amanhã cedo”.

  • As contratações estão sendo feitas na sede da Penha, Rua Almirante Tamandaré, 1500, na frente do quartel da PM.


Motoristas e cobradores estão sendo atendidos no escritório da Penha