• Posto Ipiranga, Coca-Cola: duas marcas que apostam em comerciais baseados da cornice dos seus consumidores.
  • O Ipiranga acha bonito tratar seus clientes como cornos.
  • Um sujeito chega em casa antes do tempo e vários homens escapam de dentro de casa.
  • Tem até um anão.
  • A mulher assustada pergunta porque o cornudo chegou tão cedo.
    - Fiz tudo no Posto Ipiranga, diz ele, todo felizão.
  •  Já o comercial da Coca Zero mostra um toscão que aparentemente esqueceu do compromisso com a namorada.
  • Ela é assediada por um cagalhão qualquer.
  • O cornudo então recorre aos amigos das forças especiais, que conseguem “salvar” a namorada do tal cagalhão tosco.
  • Ora, um cara que se acha o bacanão e que precisa de um monte de amigos e de helicópteros pra livrar a namorada das mãos de um cagalhão, é um tremendo cornudo.
  • Se fosse bom, dava conta do cagalhão sozinho. Aliás, se fosse bom mesmo, nem se preocupava com o cagalhão.
  • Posto Ipiranga, Coca-Cola e os cornos. Tudo a ver.
COCA-COLA:  CORNUDO QUASE PERDE A MULHER PRO SEM-NOÇÃO CAGALHÃO
.
IPIRANGA: CLIENTE CORNUDO FAZ TUDO NO POSTO IPIRANGA
About these ads