Celião deve ter batido com a cabeça pela manhã.

Provavelmente escorregou no banheiro e deu com a testa no vaso, afundando a parte frontal do crânio.

Na semana passada assinou projeto que protege a figueira da Heinrich Hosang.

Hoje quer que cortem a figueira porque ela é maléfica.

“Parabéns à promotora Monika Pabst”, bradou entusiasmado.


  • Cézar Cim apoiando a derrubada da árvore da Heinrich Hosang.
  • Até se engasgou de tanto entusiasmo.
  • “Está de parabéns a promotora Monika Pabst”.
  • Cim disse que esse será o primeiro passo para melhorar a mobilidade também “com a derrubada de postes”.
  • “A rede elétrica é uma vergonha”.
  • Cim está fotografando todos os postes da cidade pra enviar pra Monika.
  • Agora falta ele combinar com a Monika pra remover os postes.
  • Enquanto isso, colabore com o Cim.
  • Mande fotos de postes em calçadas pra ele.


Cimzão se engasgou de tanto entusiasmo ao pedir a derrubada da árvore em nome da mobilidade. Ele agora vai mover também perseguição implacável aos postes que atrapalham a mobilidade.

J. Forest denuncia: irmão do funcionário do gabinete do Jovino flagrado trabalhando no sítio pediu grana pra testemunhar contra o Jovinão.

CPI decidiu hoje mandar o troço pro MP.

J. Forest falou na Nereu sobre o caso e voltou a debulhar o pau no Jovino.

Jovinão entrou no ar em seguida e disse que é tudo invenção da cabeça do sujeito.

A frase “abreria as portas do seu futuro político” me soou meio estranha.

Minha dúvida: o cara tava pedindo dinheiro mesmo ou estava lançando uma isca?

Em ambos os casos, burrice de altíssimo risco.

Segue o baile.

 

Obs: as imagens abaixo foram extraídas do Facebook do J. Forest.

 

  • O corte da figueira da Heinrich Hosang foi suspensa na sexta por falta de segurança.
  • Se quiserem, a Construtora Torresani e o Napoleão ainda podem salvar a árvore.
  • Mário Hildebrandt disse que colocará em votação ainda nesta terça o projeto que torna a árvore imune ao corte.
  • Para isso, no mínimo dez vereadores precisam assinar pedido de urgência.
  • “Eu mesmo já garanto minha assinatura”, disse.
  • Apenas três vereadores foram contra o projeto: Becker, Cim e Mantau.
  • Becker andou debochando da iniciativa, mas ele não deve entender bem o contexto da coisa.
  • Mantau não deve ter assinado porque a árvore não é filiada a nenhum clube de caça e tiro.
  • Cim não importa.
  • A favor devemos ter então 12 assinaturas:
  1. Adrianão
  2. Beto Tribess
  3. Celião
  4. Fábio Fiedler
  5. Ivanzão
  6. Helenice
  7. J.Forest
  8. Marcos da Rosa
  9. Mário Hildebrandt
  10. Robinho
  11. Vanderlei
  12. Zeca Bombeiro
  • Cabe ao Napoleão sancionar a coisa rapidinho.
  • Cabe à Torresani adiar a continuidade do corte, pois ela tem até o dia 10 de junho pra isso.
  • Quando a lei entrar em vigor a coisa muda de figura.
  • Blumenau deve ter 96 ônibus novos ainda este ano.
  • Essa foi uma das principais revelações da audiência pública que apresentou a licitação do transporte coletivo.
  • Os Vermelhinhos ficaram fora da licitação.
  • Uma bucha que a Piracicabana deve ter descartado.
  • Para essas linhas especiais vai ter outra licitação.
  • No ano passado a CDL andou sugerindo a criação de uma linha circular no centro.
  • Talvez fosse bom retomar a ideia e fazer um bem bolado com a licitação do Vermelhinho.
  • Clique AQUI e confira no www.jornaldeblumenau.com.br o checklist completo com todos os itens da licitação do transporte coletivo


Mário e J. Forest fazem futrica e observam audiência pública da licitação. Sensacional foto de Carlos Tonet

  • Para refletir: pesquisa da Anac mostra que Blumenau é a segunda rota doméstica do Brasil com maior potencial de vôo entre os destinos que não contam com esse tipo de serviço.
  • Uma linha entre Blumenau e São Paulo teria um potencial de 133 mil passageiros anuais.
  • 11 mil mensais.
  • 360 passageiros/dia.
  • Para efeito de comparação:
  • O aeroporto de Florianópolis movimenta mais de 3,6 milhões de passageiros/ano.
  • Desta total, a linha Florianópolis–São Paulo tem mais de 1,1 milhão de passageiros/ano.
  • Navegantes conta com cerca de 1,3 milhão de passageiros/ano.
  • A linha Navegantes-São Paulo representa cerca de 230 mil pessoas.
  • Será que isso seria suficiente para viabilizar comercialmente nosso aeroporto?
  • Não faço a mínima ideia.

  • Estava me programando para cumprir uma promessa amanhã.
  • Eu e meu primo Márcio Pessatti prometemos tomar uma cerveja no alto do morro do Morumbi, em Rio do Oeste, se a Dilma caísse.
  • O Márcio fez uma checagem no perímetro com uma equipe de peritos altamente capacitados e concluiu que o local está muito molhado e escorregadio.
  • O Alcione Alvim da Silva iria comigo, mas suspendemos.
  • O morro do Morumbi é alto e íngreme.
  • A gente sobe por umas escadinhas escavadas nas pedras, tipo aquelas do Indiana Jones.
  • Fiquei pensando no risco de subir logo atrás do Alcionão.
  • Se ele escorregasse na pedra lisa, seriamos cremados juntos no Cemitério São José.
  • Um risco pavoroso.
  • Preferi adiar.


  • Hoje de manhã cedinho, feriadão, na surdina, começaram a cortar a figueira da Heinrich Hosang.
  • Ainda há uma tênue esperança para a figueira que está para ser assassinada.
  • Graças a um grupo de manifestantes que trepou na árvore, o corte foi suspenso.
  • A coitada sobrevive mutilada, mas com esperanças.
  • O Mario Hildebrandt disse pra turma que irá agir para aprovar com urgência a lei que torna a figueira imune ao corte.
  • Aí o Napoleão precisa assinar rapidinho.
  • A árvore está nas mãos do Napoleão.
  • O prazo pro corte é dia 10 de junho.
  • A prefeitura pode contribuir para que o corte não saia antes, com ações na surdina, como hoje.
  • Com a aprovação da lei, no mínimo vai embolar o meio de campo e abrirá mais tempo para novos recursos a partir dela mesma.


Em entrevista a eu mesmo, Jovinão desafiou J. Forest a mostrar imagens ou vídeo do funcionário do gabinete dele trabalhando em seu sítio em horário de expediente.

J. Forest tem afirmado que o funcionário do gabinete do vice foi filmado e fotografado trabalhando no sítio em vários dias.

Jovino reclama também que J. Forest veicula vídeo onde o funcionário aparece no sitio em junho de 2015, quando sua nomeação ocorreu apenas em agosto daquele ano.

“Desafio que mostrem as imagens. Eu já mandei ofício solicitando essas imagens, mas não me enviaram”.


Jovino: foto de assessor usada em vídeo por Forest é de quando ela ainda não tinha sido nomeado

João Natel informa que a decisão de lançar a candidatura de Lanzarin a prefeito é unanimidade no PMDB.

Natelzão diz que a atual situação da Furb pesou em sua decisão de não sair candidato.

“Tive muitas conversas na universidade, que está vivendo uma fase crítica e precisa estar politicamente fortalecida”.

O PMDB ainda não definiu o vice e também não decidiu nada sobre a participação de integrantes no Governo Napoleão.

“Sobre o vice chegamos a sondar algumas possibilidades, como o Alexandre José. A partir de agora essas conversas terão que ser retomadas”, falou Natel.

Marcelo Lanzarin será o candidato do PMDB a prefeito com o partido unido em torno dele.

João Natel abriu mão da candidatura.

A reunião que decidiu o troço foi na noite desta terça.

(Claro que muita água aida vai rolar no lugar da ponte que o Napoleão não fez, mas no momento a posição oficial do partido é essa).

“O primeiro a ser comido vai ser o Aécio”.

Jovinão acaba de me dar uma entrevista sobre a CPI do Jovinão.

Para mostrar que o deck em seu sítio foi apenas reformado e não construído novo, ele apresentou foto de um pé de goiaba que cresce numa das frestas.

Sugiro que ele arrole o pé de goiaba como testemunha de defesa.

O que ele me disse:

1) Toda a eleição inventam coisa contra ele. Chegaram a despachar 30 mil panfletos caluniosos contra ele em 2012, a partir de uma agência dos Correios de Floripa. Em 2008 foram 7 mil cartas detratoras.

2) “Já estou acostumado com calúnias”.

3) O funcionário Alexandre nunca trabalhou no sítio. “Vou provar”.

4) J. Forest usou em seu vídeo denunciador uma foto do Alexandre no sítio num domingo em julho de 2015, andando a cavalo. Mas ele só foi nomeado em agosto de 2015. “O vídeo é uma fraude”.

5) Dois assessores do J. Forest se apresentaram no sítio como funcionários da Furb. “Falsidade ideológica”.

6) Jovino comprou o sítio em 2015. “As construções existentes no sítio são de 1978”.

7) Fotos aéreas da prefeitura de 1981 mostram nove telhados no terreno. “São os mesmos de hoje. Não teve construção nova”.

8) Na época era permitido construir na beira do rio. No local chegou a funcionar uma distribuidora de bebidas devidamente licenciada.

9) Um pé de goiaba cresce numa das frestas do muro que sustenta o deck, provando que ele já estava lá há muitos anos. “Perícia vai mostrar a idade do deck, que foi reformado e não construído como alegam”.

10) Todos os imóveis estão relacionados em suas declarações de bens à Justiça Eleitoral.

11) “A CPI vai ter que provar as acusações e eles não vão conseguir”.

12) “Podem procurar o que quiserem. Não vão achar nada”.

13) “Vou sair fortalecido para a eleição”.


Base do deck é tão antiga que tem até pé de goiaba incrustado. O pé de goiaba deverá testemunhar na CPI do Jovinão


Jovino assinala que J. Forest usou em vídeo imagem de assessor antes de ele ser nomeoado

A luta continua.

Projeto em regime de urgência torna a figueira uma espécie imune ao corte em Blumenau.

Assinado em peso por 12 vereadores.

Becker, Cim e Mantau não apoiaram.

Deve ser aprovado logo para que a Câmara tente evitar o corte da figueira da Heinrich Hosang.

  • Documentos já obtidos pela CPI do Jovinão mostram que ele mudou de versão sobre a posse do sítio onde fez obras irregulares e onde teria usado servidor de seu gabinete para serviços particulares.
  • Na autuação feita pela Faema, consta a seguinte frase: “A equipe de fiscalização foi atendida no local pelo Sr. Jovino Cardoso Neto que informou tratar-se de propriedade da Sra. Adélia Cardoso”.
  • Em entrevistas à imprensa, Jovino começaria dizendo que o sítio é de “minha família”, depois assumindo a propriedade.
  • A CPI já obteve cópia do contrato de compra e venda do imóvel, que está em nome de Jovino e de sua mulher, Débora.
  • De acordo com o documento, Jovino comprou uma área de 20 mil metros quadrados no Salto Weissbach, ás margens do Rio Itajaí, no bairro Escola Agrícola.
  • O valor da transação foi de R$ 400 mil.
  • De acordo com o documento em posse da CPI, Jovino deu de entrada um apartamento pelo valor de R$ 155 mil, um veículo de R$ 115 mil e R$ 20 mil em dinheiro. O saldo foi parcelado em 11 vezes de R$ 10 mil.
  • O sítio faz parte de um terreno com 57 mil metros quadrados.
  • O terreno está em fase de desmembramento.
  • A imagem deste post reproduz trecho da autuação da Faema em que Jovino diz que o sítio não é dele, além de parte do contrato de compra e venda no nome dele.
  • Para o relator da CPI, Jefferson Forest, “está demonstrado que o vice-prefeito mentiu sobre a posse”.
  • Na semana passada a CPI aprovou busca em cartórios para verificar a existência de outros imóveis em nome do Jovino, que é investigado tanto pelo emprego de servidor da prefeitura como por enriquecimento ilícito.


  • Ivanzão entrou na luta pela preservação da árvore da Heinrich Hosang
    cuja sentença de morte foi decretada pelo MP.
  • A árvore deve ser executada até dia 10 de junho.
  • Ivan vai propor uma emenda ao decreto do Décio Lima de 1999 que tornou 21 árvores imunes ao corte.
  • Na época as árvores foram escolhidas em votação pela comunidade.
  • Para que a árvore seja incluída no decreto, os vereadores precisam aprovar caráter de urgência.
  • Ivan está correndo atrás disso.
  • Muitas das árvores protegidas pelo decreto do Décio são espécies estrangeiras.
  • A árvore da Heinrich Hosang é um tipo de figueira, parente da seringueira.
  • Ela veio da África, segundo o Ivan.

    Veja matéria do Santa em 21/09/1999:

    O prefeito Décio Lima (PT) assinará hoje, Dia da Árvore, às 14h, o decreto que tornará imune ao corte as 21 árvores escolhidas pelos blumenauenses. A figueira da esquina da Rua São Paulo com a Rua Xavantina, com 710 indicações, foi a árvore mais votada. A cerimônia que tornará as 21 árvores intocáveis será debaixo do flamboyant da Escola Básica Municipal Machado de Assis, a quarta árvore mais votada, com 303 indicações. A escolha das 21 árvores imunes ao corte foi feita através de uma campanha promovida pela Fundação Municipal do Meio Ambiente (Faema), com apoio do Santa. Todas as árvores escolhidas estão em locais públicos. Foram escolhidas pelo valor histórico, paisagístico, de localização ou por causa da raridade. O total de votos foi de 3.947. Para o presidente da Faema, Luiz Fernando Merico, a imunização das árvores em locais públicos representa um ato de cidadania para as responsáveis pela qualidade do ar e da beleza da cidade. “Imunizar árvores ao corte em locais urbanos e públicos, com a indicação da população, foi uma forma de destacar a importância delas, que muitas vezes passa despercebida”, destaca Merico.

    VOTOS – As 21 árvores mais votadas foram: a figueira, com 710 indicações, o pau-brasil do Conjunto Educacional Pedro II, com 525 votos; o jatobá da Amazônia, do Colégio Sagrada Família, com 449; a figueira da Praça Victor Konder, com 339; as palmeiras-imperiais da Alameda Duque de Caxias, com 324; o flamboyant da Escola Básica Municipal Machado de Assis, com 303; o tamarindo da Rua São Paulo, com 247 e a figueira do Colégio Estadual Professor João Widemmann, com 188. Receberam votos também o plátano da Praça Hercílio Luz, 130; palmeira-real do Museu Fritz Müller, com 130; gingko biloba do Museu da Família Colonial, com 125; araucária da Rua 2 de Setembro, em frente ao nº 1.761, com 111; figueira da Rua Norberto Seara Heusi, com 89; sibipiruna da Rua Itajaí, 948, com 56; pau-ferro da Praça Victor Konder, com 39; pau-brasil da Praça Herta Hildebrand, com 35; flamboyant do Colégio Estadual Luiz Delfino, com 34; cipreste da Comunidade Evangélica Blumenau, com 27; ipê-roxo da Praça Victor Konder, com 21; ipê-amarelo da Rua São Paulo, próximo nº 203, com 15 e castanheira do Mausoléu Dr. Blumenau, com 11.

  • Lava Jato descobriu que mulher de Collor, a Caroline, foi beneficiária de 20 mil dólares em propinas.
  • Dinheiro que ela usou para uma viagem à Europa.
  • Foram identificados gastos dela em lojas como Victoria’s Secret e Louis Vuitton.
  • É por isso que eu gosto do Collor.
  • Collor nunca nos decepciona.
  • Collor é o nosso corrupto ostentação.
  • Ferraris, Porshes, Lamborghinis, mulher que faz compras em lojas chiques.
  • Bem diferente da Dona Marisa, que gasta R$ 2 mil pra comprar barco de alumínio.

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Twitter

  • Napoleão se reúne com ministro tucano das Cidades, mas corre o risco de ficar sem nada. https://t.co/0aLn0Ws2zY 10 hours ago
  • Romário vira-casaca anunciou que pode votar a favor da volta de Dilma. Duvido. Daqui a pouco toma um cala-boca e muda de novo. 10 hours ago
  • O novo ministro da Transparência deveria ser o Sérgio Machado. Ninguém tem sido mais transparente que ele. 1 day ago
  • É melhor ser um herói vivo do que um covarde morto. 1 day ago
  • Madre Tereza de Calcutá, Irmã Dulce e Sta Paulina estão mortas. Complica pro Temer um ministério sem pessoas atingidas pela Lava Jato. 1 day ago

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 226 outros seguidores

Agendoca

junho 2016
S T Q Q S S D
« maio    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  

Arquivos

Blog de Carlos Tonet

Jornalista e marceneiro

Crítica (non)sense da 7Arte

Blog com críticas de cinema; Blog with coments about cine; Blog con críticas de películas

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 226 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: