Primeiro foi a Georgia Martins Faust, do PSOL.

Deu um monte de entrevista como pré-candidata a prefeita.

Reclamou que o Santa não colocou a foto dela.

Só que depois descobriram que a mulher não tinha feito o cadastramento biométrico e ela não pôde ser candidata.

Agora foi o Emil Chartouni.

Emilzão convidado pra ser vice do Lanzarin.

Hoje deu entrevista dizendo que aceitava.

Só que não podia ter aceito porque não tinha se desincompatibilizado do sindicato dos hotéis.

Então ele pulou fora.

Já temos uma boa dupla de candidatos pra 2020.

Daria uma boa chapa.

 

Por causa da baixa procura, a Furb cancelou novas inscrições para diversos cursos.

A informação foi postada agora na página do Sinsepes, o sindicato dos funcionários da Furb.

Na nota, a turma do Sinsepes cai de pau na Furb.

“Chocante” e “Erro gravíssímo de Comunicação e Marketing” são algumas das expressões de pavor e estupefação utilizadas na nota.

 

Veja a lista dos cursos atingidos:

 

Administração
Educação Física (bacharelado e licenciatura)
Engenharia de Telecomunicações
Engenharia Elétrica
Farmácia
Jornalismo
Design
Engenharia de Telecomunicações
Moda
Química (bacharelado e licenciatura)
Tecnologia em Comércio Exterior
Ciências Econômicas
Engenharia de Alimentos
Engenharia Florestal
Sistemas de Informação

 

Veja a íntegra da postagem do Sinsepes:

 

A FURB divulgou no mês de julho que, por terem o número de inscritos inferior ao número de vagas fixadas, 15 cursos de graduação sofreram o cancelamento da abertura de primeira fase na universidade, neste segundo semestre. No entanto, a decisão ocorreu um mês antes do prazo destinado ao fim das matrículas para calouros (vestibular/histórico escolar/enem), previstas no calendário acadêmico até o dia 12 de agosto.

Coordenadores de cursos afetados questionam a decisão da universidade. Em pleno período de matrículas para calouros, durante as duas primeiras semanas de julho, não havia nenhuma informação no site da instituição para as matrículas de calouros, apenas um lembrete para veteranos. Os cursos com turmas canceladas no período matutino foram: Administração, Educação Física (bacharelado e licenciatura), Engenharia de Telecomunicações, Engenharia Elétrica, Farmácia, Jornalismo. E no período noturno: Design, Engenharia de Telecomunicações, Moda, Química (bacharelado e licenciatura), Tecnologia em Comércio Exterior, Ciências Econômicas, Engenharia de Alimentos, Engenharia Florestal e Sistemas de Informação. Não está descartada a hipótese de outros cancelamentos, dependendo da demanda.

“A universidade também precisa olhar seu equilíbrio financeiro. Mas o que chama a atenção neste semestre é o número de cursos cancelados”, alerta a Chefe da Divisão de Registros Acadêmicos (DRA), Iara Cristina Thewis. A decisão foi tomada pela Pró-Reitoria de Ensino de Graduação, Ensino Médio e Profissionalizante da FURB, por meio de seu pró-reitor, prof. dr. Mauro Scharf.

“Não sabemos o que aconteceu. Quando estávamos avaliando com o Centro Acadêmico como proceder, afinal temos um mês pela frente, veio a decisão de cancelar a turma, em desrespeito aos interessados. É chocante! Erro gravíssímo de Comunicação e Marketing. Inaceitável para qualquer perspectiva de gestão”, desabafou ao expressão professora de curso atingido pela medida, em 14 de julho.

Detalhamento: na visita que fez ao Ivan Naatz hoje na Assembleia, Alexandre José propôs uma chapa em que ele seria candidato a prefeito e o Ivan, vice.

A turma do PSD não está acreditando.

Mas é.

Alexandre José acaba de sair do gabinete do Ivanzão, na Alesc.

Foi lá conversar sobre a possibilidade de estarem juntos na campanha, com um sendo vice do outro.

Ivan já anunciou que o vice dele é o Cadore, “mas tudo bem, dá pra conversar”.

Alexandre José está jurado de amor com o Jean Kuhlmann.

Ontem, o Louro e o Jeanzão tiveram uma reunião secreta em FNL.

O Jean considera que a dobradinha entre eles está fechada,

O mesmo me disseram poderosas fontes do PSD. “Tá tudo acertado e sacramentado”.

Por que então Alexandre José teria procurado Ivan Naatz com proposta de união e uma chapa com os dois?

Acho que deve ser pra meter um ciuminho no Jean, tipo “ou você me dá mais carinho e atenção, ou eu namoro outro”.


Moralmente, Jovino se condena publicamente em cinco pontos perante a CPI que investiga o uso de servidor de seu gabinete num sítio de sua propriedade:

1) Contratar advogado pro servidor acusado. Ninguém precisa de advogado pra falar a verdade. Advogado colocar a mão na perna do servidor interrogado, interpondo-se a ele. Quem não tem medo de que alguém não tenha nada além da verdade a dizer, não precisa se meter no meio entre a verdade e o público.

2) Alegar que o servidor é humilde e por isso precisa de ajuda para se defender. Se é humilde e semianalfabeto, deveria trabalhar como caseiro num sítio, cuidando de vacas e repolhos, e não no gabinete do vice-prefeito de Blumenau, uma terra de gente diferenciada, pujante e marcada por exemplos para o Brasil.

3) Todos os servidores do gabinete do vice apresentaram provas de freqüência ao trabalho, através de registros. Menos o servidor acusado de trabalhar no sítio.

4) Jovino foi rápido ao arrumar até mesmo câmeras de uma empresa Rua das Missões para mostrar que o servidor estava a caminho da prefeitura, quando lhe interessou. Mas foi incapaz de fazer o mesmo na hora de provar a mesma presença nas semanas imediatamente anteriores à denúncia.

5) Finalmente, Jovino conseguiu na Justiça o direito de “não ser obrigado a falar a verdade”, permanecendo calado. Ou seja, quando teve a oportunidade, negou-se e defrontar-se publicamente com a verdade, usando-a a seu favor.

Nos corredores, bares e esquinas, Jovino está condenado, assim como Cézar Cim foi moralmente condenado na questão de empregar uma servidora da Câmara em seu escritório.

No âmbito político deverá escapar se a CPI continuar sendo conduzida de forma amadora e atabalhoada, permitindo a Jovino que obtenha diversas outras vitórias na Justiça, frutos de equívocos na condução do processo.

Perante os colegas, continuará o mesmo.

Usar servidores para serviços particulares não é exceção no Brasil.

É a regra.

Emerson Antunes, presidente da URB, acaba de se auto catapultar para fora da empresa.

É o trigionésimo nono presidente a pular fora.

Emerson está saindo porque o partido dele, o PSC, está indo com o Jean em vez de ir com Napoleão.

Ele é sobrinho do Ismael.

Emerson escreveu uma cartinha de demissão bonitinha, diz que a URB tá saneada, agradece o Napoleão, etc e tal.

A informação mais importante é o ponto em que Emerson lembra ao prefeito que o cidadão agora pode parcelar uma calçada em até 48 vezes.

Prefeitura não renovou com a Piracicabana.

O que ela fez foi um contrato emergencial novo.

Como não apareceram interessados, foi feito um contrato com a única empresa em condições de atender, no caso, a gloriosa Piracicabana.

Licitação para a nova empresa em definitivo está no Tribunal de Contas.

Lá os caras estão fuçando pra ver se pegam alguma coisa errada e já sugerem adequações pra não ter churumela depois.

O problema é que a coisa foi entregue pela prefeitura dia 2 de junho e o prazo pros caras devolver é dia 2 de agosto.

Dois meses é muito tempo.

Diante da urgência não custava dar uma apressada nas coisas.

Alexandre José é o vice do Jean.

Os dois estão agora em Florianópolis para mais uma reunião de trabalho.

Pedi pro Jean mandar foto, mas ele tá se fingindo de morto.


Ivan e Cadore compram roupa no mesmo balaio da rua XV

 

Ivanzão anunciou que Amauri Cadore vai ser o vice dele.

Segundo Ivan, o PDT decidiu isso ontem.

A depender da preferência dos dois por estampas de blusas horríveis, teremos uma dupla bem afinada.

Ivan costuma colocar a culpa na mulher quando aparece com alguma camisa horrorosa.

Nunca foi ele que comprou.

Desconheço as desculpas do Cadore pra usar esse tipo de indumentária com altíssimo grau de lamentabildade.

Galera, ontem o Lanzarin convidou o Emil Chartouni, do PTB, pra ser vice dele na chapa do PMDB.

Peço a vocês que não perturbem o Emil neste fim de semana, porque ele vai ficar dois dias pensando.

A resposta, só a partir de segunda.

Jovinão impenetrou habeas corpus contra J. Forest pra ficar em silêncio durante depoimento na CPI amanhã.

Setença acaba de sair e o juiz Clayton Cesar Wandscheer dá ao Jovino o direito de:

a) permanecer em silêncio sobre o conteúdo das perguntas formuladas sobre a matéria investigada.

b) não ser obrigado a assinar temo de compromisso de dizer a verdade.

c) ser assistido por advogado, comunicando-se livremente e em particular com ele, garantindo-se o direito contra a autoincriminação (CF, art. 5º, inciso LXIII), excluída possibilidade de ser submetido a qualquer medida privativa de liberdade ou restritiva de direitos em razão do exercício dessas prerrogativas constitucionais.

J. Forest vai ter que buscar algum tipo de inovação, tipo subir na mesa e sapatear.

Custo de vida alto.

Passagem de avião cara.

Engarrafamentos.

Comando Vermelho.

Arrastão.

Criminalidade.

Tiroteios entre traficantes.

Domínio territorial de milícias.

Risco de ser queimado vivo dentro de um pneu.

Polícia assassina.

Bala perdida.

Zika.

Dengue.

Xicungunha.

Cocô na lagoa e no mar.

Pezão, Dornelles, Sérgio Cabral, Garotinho, Benedita, Eri Johnson.

Duvido que os terroristas apareçam no Rio.

Treta cabulosa nas internas do PSD.

O advogado Dênio Scottini impenetrou uma ação de cobrança contra Fábio Fiedler.

Dênio quer que a Justiça arbitre o valor de honorários que Fábio deveria pagar pra ele.

Dênio foi contratado pelo FF pra defender ele no processo de cassação.

Na ação, Dênio diz que:

1) Se esforçou um monte pra defender FF da cassação.

2) Fábio trocou de advogado sem falar com ele.

3) Foi dele a tese acolhida pelo TSE que devolveu o mandado ao vereador.

4) O novo advogado do Fábio cobrou R$ 165 mil para atuar apenas no final.

Na ação impenetrada, Dênio não revela o quanto quer cobrar.

De acordo com a lei, neste caso a Justiça deverá arbitrar o valor se a coisa for julgada procedente.

Boletim Carlos Repórter informa: PP decidiu apoiar Napoleão.
Reunião ocorreu agora com o partido e participação do Napo.


Reunião no PP. O sujeito com cara de mau à esquerda, jaqueta de couro, é Alexandro Fernandes, capanga armado que o Napoleão contratou pra servir de segurança nas reuniões partidárias.
A imagem não mostra, mas Alexandro segura uma Uzi 9 mm debaixo da mesa.
Nunca é demais prevenir.

Mauro Mariani decidiu que o PMDB de Blumenau vai ter candidato.

Vai ser o Lanzarin.

Como o PMDB daqui não tem dinheiro nem pro lanche da tarde, o PMDB estadual vai ter que bancar.

Vão dividir estúdio de TV com outras cidades.

Os programas de TV serão feitos em Itajaí.

Já exportamos o Décio pra lá.

Agora estamos exportando peemedebistas.

Itajaí deveria cobrar uma taxa ambiental de Blumenau.

Justiça Eleitoral fixa gastos máximos para a campanha.

Candidato a prefeito de Blumenau pode gastar até R$ 767 mil no primeiro turno e 230 mil no segundo.

Vereador pode gastar R$ 110 mil.

Em Rio do Oeste: prefeito até R$ 108 mil e vereador R$ 10 mil.

Gastos declarados de 2012 em Blumenau:

Napo, R$ 692 mil

Jean, R$ 1 milhão 647

Ana Paula, R$ 1 milhão e 29

Veja listagem completa AQUI.

OAB entrou na Justiça e desmoralizou mais um pouquinho a CPI do Jovinão.

A OAB conseguiu sentença judicial garantindo que o advogado Dênio Scottini não seja preso pelo J. Forest nas audiências da CPI.

É a quarta sentença desmoralizatória contra a confusa, conturbada e inútil CPI do Jovinão.

Desmoralização construída passo a passo pelo próprio J. Forest, através de uma série de atitudes equivocadas e erros de forma e conteúdo.

Até agora a única coisa que a CPI fez foi correr atrás do Jovino e de seu funcionário pra que eles próprios forneçam provas contra si mesmos.

Jovino e o funcionário dele não têm que arrumar provas pra se condenarem.

A CPI diz que as tem.

Basta apresentá-las.

Temer tem usado duas medidas distintas para justificar suas ações.

Quando quer, diz que a coisa já estava combinada no governo passado.

Exemplos: aumento do Bolsa Família e reajuste trilionário do funcionalismo.

Quando tem algo que não quer, então ele desfaz.

Meirelles, que no governo Lula conduziu um ajuste rigoroso, virou politiqueiro e justifica as medidas que ele e Temer adotam conforme sopram os ventos da conformidade.

Por enquanto os resultados e as medidas são pífios.

O PIG e os empresários, patrocinadores oficiais do golpe, estão quietos.

Só não abrem o bico porque a Afastada ainda não caiu.

Assim que Dilma for catapultada definitivamente de volta para o buraco de onde veio, Temer deve entrar na linha de tiro do mercado.

Dois jatos entrecortam o gélido ar dos céus brasileiros.

Num deles está o fantasma da Afastada.

Sempre na janelinha pra não perder nada, a Afastada se dirige a algum cantão nos cafundós do Judas onde ainda haja algum prefeito do PT.

Cabe ao coitado providenciar sanduíches e fretar ônibus para levar espectadores para os discursos desconexos que a Afastada fará.

No outro jato segue o Mentor.

O Mentor foi o sujeito que criou a Afastada.

Mentor faz quase sempre os mesmos trajetos que a Afastada, pousando em cidades do Nordeste, onde faz discursos mais ou menos parecidos.

Mas porque Mentor e a Afastada não viajam juntos, não mostram o quão unidos estão contra o golpe?

Porque se detestam.

Assim como nós os detestamos.

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Twitter

  • Tigre atacou duas pessoas e matou uma mulher na China. Pelo menos nesse caso o Estado Islâmico não emitiu nota assumindo. 1 day ago
  • Prefeitura cortou horas extras. Medida atinge também funcionários alocados em sítios e escritórios de advocacia. 1 day ago
  • Jornal Nacional só dá pra ver a metade. A outra metade é exemplo de superação. 2 days ago
  • CNN dando destaque para tiroteio no Club Blu, em Miami. É nóis na fita. 2 days ago
  • - A Barbie tem um namorado. - Quem? - Ken. 5 days ago

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 234 outros seguidores

Agendoca

julho 2016
S T Q Q S S D
« jun    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Arquivos

Blog de Carlos Tonet

Jornalista e marceneiro

Crítica (non)sense da 7Arte

Blog com críticas de cinema; Blog with coments about cine; Blog con críticas de películas

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 234 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: